Tag

BADBADNOTGOOD

ryan-Hemswoth-radar

FEATURE: A VOLTA Radar #08 (feat. Ryan Hemsworth) – Badbadnotgood

By | A Volta Radar, All | No Comments

Na série A Volta Radar você vai encontrar sugestões sobre novas músicas, álbuns e artistas. Traremos opiniões de pessoas envolvidas em diferentes cenas musicais, revelando a vocês quem ou quais são as coisas que você deveria estar ouvindo no momento.

In A Volta Radar you’ll find suggestions about new songs, albums and artists. We’ll bring the opinion of people involved in different musical scenes, who are going to reveal who or what are the things that you should be listening to right now.

Depois de muito tempo decidimos ressuscitar o A Volta Radar e, para isso, contamos com a ajuda do Ryan Hemsworth. Nosso oitavo convidado da edição é o produtor de 21 anos de Halifax, Canada. Integrante da Green Ova, Ryan começou a aparecer no início desse ano, produzindo para rappers independentes como Shady Blaze e a dupla Main Attrakionz. Seu remix do single Genesis, incorporando à faixa versos de Deniro Farrar pareceu agradar a todos, inclusive a própria Grimes que deixou isso claro nos tweets direcionados ao produtor. Brodinski é outro que vem mostrando grande apoio, de acordo com ele Ryan ‘sounds like the future’. Brodi chegou a lançar um remix dele para Pipes pela gravadora Bromance, criada em parceria com o colega Gessafelstein. Em Abril, seu mix para os nossos parceiros do blog LFTF rendeu uma citação na SPIN com o título Ryan Hemsworth: Schools Rustie, Lives Girl Talk Gasping. Artigo um tanto quanto audacioso mas que, apesar de tê-lo deixado um pouco desconfortável (ele se diz um dos maiores fãs de Rustie), passou uma ótima impressão do produtor. Aqui você pode ouvir Cold & Tempted, sua música mais recente.

STREAM/DL: Ryan Hemsworth – Cold & Tempted
[audio:Ryan Hemsworth – Cold and Tempted.mp3]

Badbadnotgood is a jazz trio based in Toronto and they’re doing something pretty interesting right now. They’re former music students who found their niche in reinventing huge, successful rap songs into hype — sometimes 10-minute — improvisational jams. But they manage to do this without losing structure or dynamic. When they perform, they go from quiet to loud, slow to fast with great ease and it always plays off the crowd’s emotions pretty well (you’re bound to see some moshing and crowdsurfing at their shows). Not to mention, they’re young and all the music they’ve released so far is free. The industry should have their eyes on acts like Badbadnotgood. — Ryan Hemsworth

“Badbadnotgood é um trio de jazz de Toronto que tem feito umas coisas bem interessantes. Eles são estudantes de música que encontraram uma forma de transformar super hits de rap e em jams improvisados – que às vezes chegam a durar até 10 minutos. E eles conseguem fazer isso sem deixar a faixa perder sua estrutura ou dinâmica original. Nas performances ao vivo, eles vão do alto ao baixo, do lento ao rápido com muita facilidade e isso sempre consegue mexer com a emoção da plateia (você sempre vai ver moshings e crowdsurfing nos shows). Além disso, eles são super novos e todas as músicas lançadas até agora foram disponibilizadas gratuitamente. As indústria musical deveria estar prestando atenção em grupos como o Badbadnotgood” – Ryan Hemsworth.

SOCIAL: Ryan Hemsworth Twitter / Facebook / Soundcloud / Bandcamp

Badbadnotgoos – Hard In Da Paint / Wow Rare

Bad Bad Not Good – Mass Appeal / Transmission

Badbadnotgood – Peso (A$AP Rocky Cover) Live at The Drake